O rato flautista e o gato das milícias

Reações: 



imagem do Google
Era uma vez um ratinho flautista muito feliz. Ele possuía as flautas mais doces e valiosas do mundo, mas era um ratinho simples, gostava de tocar na rua, nas estações de trem, portas de teatro.
Mas nesta história tinha um gato que também era metido a tocador de flauta, mas não tocava nada. Esse gato  era um ex-policial e trabalhava de segurança e todos os dias passava e cobrava muito caro do  ratinho pela sua segurança.
Um dia um rato mau assaltou o ratinho e levou todas suas flautas, o gato segurança foi atrás do rato ladrão e recuperou as flautas, mas quando foi devolvê-las ao ratinho quis cobrar uma quantidade muito grande de dinheiro, o rato ficou apavorado. Mas para sorte dele alguns policiais honestos que passavam por ali viram a atitude do gato e o prenderam, por que ninguém pode fazer isso, cobrar pela segurança. O gato foi tocar na cadeia sua flauta desafinada e o rato continua tocando feliz por ai, sem ninguém para cobrar sua segurança, afinal ele já paga imposto e a polícia deve cuidar disso.

Eu fiz o texto e a mamãe ajudou organizar e corrigiu os verbos.

9 comentários:

✿ chica on 18 de fevereiro de 2012 12:07 disse...

João, que linda historinha.Adorei e tu estás a cada uma melhor que a outra>>>
Parabéns! beijos, chica

Jardim das poesias infantis/Magia em versos on 18 de fevereiro de 2012 12:35 disse...

Oi João Felipe!
Amo gatos mas esse gato aí é muito sem-vergonha e mereceu pelo que fez.
Estás cada dia mais afiado e escrevendo melhor.
Parabéns.
abração

Pedro on 18 de fevereiro de 2012 19:05 disse...

João que linda historia, esse gato mereceu o castigo!!
Um abração amiguinho
Pedro

Majoli on 19 de fevereiro de 2012 10:47 disse...

Oi João Felipe, desculpe meu sumiço querido, fechei o rabiscos infantis e agora coloquei você como cantinho que eu adoro no meu outro blog, pra não perder suas postagens.
Linda história essa que você criou, realmente não se pode cobrar pela segurança, já temos muitos impostos mesmo.

Um beijo cheio de carinho na sua bochecha.

Gabriel Pio on 19 de fevereiro de 2012 14:05 disse...

sua historinha ficou muito legal
abraços

Dettynha on 20 de fevereiro de 2012 08:44 disse...

Muito bem, com estas histórias da pra envolver nossas crianças, e assegurando um pouco de cidadania à todos.
João me add no msn, quero enviar-te um mimo. Bjss no coração.
detty.dettynha@hotmail.com

Toninhobira on 20 de fevereiro de 2012 15:18 disse...

Uma bela lição para todos aqueles que tentam tirar proveito de suas posições.Onde já se viu pagar por uma coisa que lhe é direito?
Muito bem João e mamãe,voce brilharam nesta historia de educação.
Meu carinhoso abraço a voces.Bju.

Salles on 28 de fevereiro de 2012 07:59 disse...

Olá amiguinho! Buenas dias!!! Encontrei vc no baú da tia sônia e adorei seu trabalho, já te sigo c carinho, vem cá me conhecer e ser um seguidor meu! Estou levando seu banner, traz o meu tbm. beijo grande lindo!

Anne Lieri on 23 de março de 2012 09:56 disse...

João,eu li sua historinha lá na Chica e vim te cumprimentar pela criatividade e conteudo muito bons!Eu adorei,parabéns!bjs da tia Anne!

Postar um comentário

Adoro visita e adoro ler os comentários, não saia sem me contar o que achou do meu blog e das minhas postagens, volte sempre e deixe o endereço do seu blog para que possa retribuir a visita! Um beijo!